O que é a Esclerose Múltipla? Sintomas, diagnóstico, tratamento, tem cura esclerose múltipla - Esclerose M  ltipla - O que é a Esclerose Múltipla? Sintomas, diagnóstico, tratamento, tem cura

O que é a Esclerose Múltipla? Sintomas, diagnóstico, tratamento, tem cura

O que é a Esclerose Múltipla? Sintomas, diagnóstico, tratamento, tem cura
5 (100%) 1 voto

Popularmente conhecida a Esclerose Múltipla traz consigo mesma diferentes causas, sintomas e consequências que podem se agravar com o decorrer do tempo. Doença que provoca problemas para mais de 2,5 milhões de pessoas no mundo todo

A Esclerose Múltipla funciona como destruidora das células saudáveis e com o passar do tempo corroendo a bainha de mielina, responsável pelos impulsos elétricos e de defesa dos nossos nervos é afetada e caso não seja diagnosticado a tempo, poderá perder a capacidade andar e até mesmo falar.

Diante dessas ocasiões que são cometidas é preciso analisar os primeiros sintomas, suas causas e seu tratamento específico para cada caso.

Esclerose Múltipla – Causas

Ainda não existe uma definição clara e sugestiva para suas causas, porém, existe um forte indício dos primeiros sintomas serem hereditários e como consequência com o passar dos anos em níveis mundiais é possível analisar um tratamento adequado para cada caso diagnosticado.

Outro forte pensamento é que a doença pode ser estimulada pelo ambiente que se vive, variabilizando principalmente meios que consideram ser difíceis como por exemplo, problemas familiares que vão além dos bate-bocas frequentes, em níveis de agressão consideráveis, desenvolvendo a doença de forma degradante a sua saúde e bem-estar.

Fatores como a gravidez podem viabilizar a introdução da Esclerose Múltipla, visto que a progesterona pode inibir o sistema de nossas defesas, além dos nossos fenótipos, genótipos e alelos sofrerem mutações ao longo do processo da formação de um bebê.

Fatores que indicam que a pessoa tem Esclerose Múltipla

Genética

Se uma pessoa já tem na família alguém que tenha um caso semelhante ao de Esclerose Múltipla, é bom diagnosticar para que não seja surpreendido.

Mulher corre mais risco que o homem

Como o velho ditado fala “Mulher é sexo frágil” e para esta doença é a que tem mais probabilidade de obter em comparação com os homens.

Regiões Frias

Apesar do Brasil ter casos de Esclerose Múltipla, não é considerado um país influente em nível mundial de acontecimentos parecidos. Os sintomas mais comuns costumam a aparecer em países com clima bastante frio, aumentando gradativamente a incidência de novos casos.

Primeiros indícios

Formigamento fora do normal

Em momentos de inércia, é comum obter um certo formigamento, por este motivo, ficar na mesma posição durante um bom tempo é natural obter este pequeno problema.

Formigamentos considerados fora do normal é bom observar, pois, os primeiros sintomas que temos a doença é através das famosas “ formiguinhas gasosas”.

Depressão

Conhecida como mal do século, a depressão está presente em quase todas as doenças, diagnosticado poderá avaliar de forma precisa se é mesmo um mal ou apenas um processo que levará um tempo a ser digerido.

Perda da força

A falta de energia pode ser proveniente de vários fatores, entretanto, a perda da força constante é um caso a ser analisado cuidadosamente, pois, dependendo da gravidade poderá ser cometido no âmbito da Esclerose Múltipla.

Perda da memória

Uma das grandes preocupações quando citamos a longevidade, é o esquecimento natural das pequenas coisas, afazeres que somos preocupados em fazer. A perda da memória pode ser um problema de Esclerose Múltipla e diante esses pequenos cuidados é bom observar cada fala, cada passo e seus respectivos modos de argumentação em situações que promovam uma simples conversa ou até mesmo os aconselhamentos considerados fundamentais do nosso dia-a-dia quando referimos as pessoas com mais experiência do que nós, como é o caso dos nossos pais e avós.

Preservar a memória é como trocar de roupa, de uso rotineiro é bom sempre usarmos para as coisas ou afazeres que estimulem nossa concentração, prazeres e principalmente a saúde do nosso corpo e estímulos que constituem nossas ações.

Buscar conhecimento e reconhecer nossos medos é fundamental para que possamos aprimorar nossas sentenças quanto qualquer veracidade que for premeditada ao que conhecemos como imparcialidade nos mais diferentes segmentos.

Diante dessa razão, entender e saber compreender a opinião é tão valiosa quanto a preservação da nossa memória, já que o uso da mesma possibilita infindáveis tarefas que não costumamos utilizar (já que utilizamos apenas 10%).

A memória pode desgastar com o tempo devido a nossa longevidade, mas deve ser utilizada com carinho, sempre buscando entender os erros e acertos de cada situação. Quando não sentir mais nenhuma dúvida, medo, alegria, divergências, raivas, conhecimento, paz interior, cuidado pode ser um dos sintomas da Esclerose Múltipla.

A doença degenerativa pode destruir projetos, sonhos e posteriormente futuro sólido e sustentável que as pessoas precisam para buscar os novos desafios que a vida nos proporciona cotidianamente.

Dificuldade para andar além de limitação dos movimentos dos braços

Pessoas que possuem tendência ou já estão em nível mais avançado da doença, podem passar desapercebidos por problemas considerados simples, mas na maioria das vezes é bastante recorrente devido à dificuldade constante para tais.

Apesar de todos os alertas, quase ninguém se assusta por uma dificuldade de locomoção, tampouco na falta de força seja para a movimentação de seus braços, o que deveria servir de preocupação, entretanto, poucos conseguem enxergar essa pequena gravidade que poderá ser evoluída e difícil de solução a si próprio.

Níveis sexuais

Lembra daquele cara ou aquela gata que conheceste em uma festa e sentiu um enorme desejo sexual por ela (e)? Pois então, são acometidos os vários desafios que nosso corpo se limita e não corresponde da forma esperada, principalmente por não conseguir satisfazer quem mais deseja.

Isso ocorre através da falta de apetite sexual através da evolução desta doença, e assim não consegue obter o resultado esperado de seu parceiro.

A Esclerose Múltipla é igual para todos?

Responder a esse questionamento é como falar que vírus não se multiplica, ou seja, nenhuma pessoa que tem a doença será igual a outra, pois, os níveis são diferentes, sintomas totalmente distintos e a prevenção seguindo a mesma linha.

Podem ter sintomas parecidos, porém, nunca iguais. Sua genética constantemente modificada é um problema ainda sem solução, é como se fosse procurar a cura do hiv, que ainda segue sem resposta, apesar de sua constante evolução graças a medicina e a descoberta de plantas que auxiliam neste processo.

A busca pela solução pronta e a procura de respostas que nossos impulsos elétricos costumam indicar deve ser nossa gratidão de amanhã, pois, essa mesma que nos permite acreditar e agarrar com nossas forças os pequenos prazeres que a vida nos dá, pode não ser a mesma percepção de outra.

Concentração

Pessoas determinadas não tem tempo ruim para qualquer opinião que faça arruinar projetos ou sonhos que pretende realizar ao longo da vida. Isso exige concentração máxima e uma perceptividade incrível para suportar os devaneios que insistem provar o quanto somos capazes de realizar determinada tarefa em qualquer profissão.

A partir do momento que essa mesma concentração se perder é um outro bom motivo para começar a se preocupar. Esse mesmo valor que as pessoas precisam ter em vários momentos da nossa vida, é imperceptível aos nossos olhos, mas extremamente importante para outras importantes decisões que tomamos neste processo seletivo na qual chamamos de vida.

A Esclerose Múltipla em sua concentração é desfavorável a olhares muita das vezes negativos capazes de ferir e esquecer quem somos, onde vamos e o que pretendemos seguir.

Mesmo que não haja cura para o problema apresentado, ainda sim, é possível viver intensamente aproveitando o que a vida tem de melhor sob certa limitação do preconceito que a sociedade ainda tem sobre essa doença.

Gostou? Compartilhe!
esclerose múltipla - redacao SMB - O que é a Esclerose Múltipla? Sintomas, diagnóstico, tratamento, tem cura

Buscamos entregar conteúdo de qualidade e fidedigno para contribuir com uma internet relevante e construtiva. Abordamos assuntos como nutrição, bem estar, musculação, suplementação e saúde.

Nos conte sua opinião!


Notice: Undefined index: sab_desc_style in /home/suple/lojaotimizada2018/blog/wp-content/plugins/simple-author-box/inc/class-simple-author-box-helper.php on line 1025